Quarta-feira, 10 de Fevereiro de 2010
Ela quis um negão

  Olá, vou dizer aqui a nossa história, somos namorados a pouco tempo, porém nos demos muito bem em relação a safadeza e a perversão. eu vou me designar m e ela e, eu sou moreno claro, baixo e tenho 18 cms de pau e moro em minas, a e tem 1.78 metros, branquinha, gostosa e muitooo safada e mora em são paulo. a e é deliciosa e safada e é difícil dar conta dela, pois além de ter um corpo maior que o meu, sua bunda é grande e maravilhosa, o que dificulta meter nela de 4 e isso é algo que ela adora, pois meu pau mesmo sendo acima da média não é suficiente para ela,por isso ela quis um negao(ela adora negros, todos os antigos namorados eram negros) muito bem dotado, e que fosse liberal a ponto de não criar resistência caso quiséssemos implementar algo mais quando estivéssemos com ele. procurando na internet encontramos em salas de bate papo diversos caras, chegamos a marcar com 3 para os 2 dias do fim de semana, a e ainda brincou que não tinha buceta para esse tanto de pau. resolvemos deixar para escolher no dia que estivéssemos juntos. fui para são paulo tarado só de imaginar ser a minha primeira experiência com ela a 3 e também a minha primeira chifrada como ela gosta de dizer. o nosso escolhido foi o f que também mora em são paulo, vimos fotos dele no uolk e ela adorou o pau dele de 20 cms e muito grosso, apesar que ela gulosa queria experimentar algo em torno de 23 a 24 cms. só fomos conhecer o f no hotel que estávamos hospedados no centro de são paulo, devo dizer que quando o f chegou à porta do quarto não me impressionei, pois ele é um cara baixo e sem nenhuma cara de safado (mero engano meu). já tinha comido a e umas 4 vezes durante o dia só de tesão de imaginar o momento e a safada só me chamando de corno e frouxo e eu adorando tudo isso.
o f chegou e ficou meio receoso, só falou que veio até com vergonha porque estava com tanto tesão em comer a e que até teve que colocar uma blusa grande, aí vi o f armado (de pau duro) falei pra e, vai deixar ele sofrendo assim com a barraca armada ? como ela estava embaixo dos lençóis escondidinha somente com uma calcinha transparente que eu mesmo escolhi, puxei os lençóis e fui pro banheiro para facilitar para o amigo. ele já caiu matando, beijando minha gata e dando uns amassos nela, quando voltei para o quarto a e já estava engolindo o pau do f, e digamos, que pau, parecia um chouriço, bem negro e muito grosso e grande, de grossura dava uns 3 do meu, de tamanho uns 3 a 4 dedos maior que o meu, no começo fiquei com receio e ciúmes, mas com a e com a boca já no pau dele não tinha como correr da situação, estava na chuva agora já ia me molhar.
a e engolia o pau do f inteiro, chegava até a babar e engasgar, era lindo ver a cena, quem já viveu algo assim pode confirmar, ver sua amada namorada engasgando no pau de um estranho é algo diferente, um tesão diferente e delicioso. a e chupou muito o pau do f deixando ele todo babado e o cornão aqui só tirando fotos e babando de vontade da safada estar chupando o meu pau daquele jeito, depois de muito chupar foi a vez do f judiar da minha princesa, ela pegou ela e começou a chupar a buceta dela, não sei o que ele fazia, mas nunca consegui fazer ela tremer tanto tendo a buceta chupada, ele fazia movimentos pros lados, algo diferente mas que causava a sensação de forma alucinada nela, ela delirava e me puxou para beijá-la com gosto de pau ainda na boca, não resisti e beijei muito a boca daquela safada. quando ela estava quase gozando ele parava só pra judiar dela, ela me chamava baixinho de corno e frouxo que não dava conta dela, por isso precisava de reforço e que o negão estava acabando com ela antes mesmo de começar coisa que nem com 4 tentativas não tinha conseguido mais cedo.
o f era impressionante, tinha uma energia incrível e além de não gozar sempre ficava de pau duro, ele tratava minha gatinha como uma verdadeira puta, colocava ela pra chupar o pau dele, fazia ela engolir inteiro que até saia lágrimas e dava muitos tapas na cara dela chamando ela de puta e safada, coisa que ela nunca me permitiu fazer.
chegado o grande momento o f preparou o pau para comer a e que já não se agüentava mais de vontade, encapou o pau e foi abrindo espaço na bucetinha gostosa e antes um pouco apertada da e, que fazia caretas e gemia gostoso, comigo nunca gemeu daquela maneira, digo que fiquei com ciúmes de ver e ao mesmo tempo feliz, porque nunca conseguiria dar a ela prazer igual aquele se não fosse dessa maneira, fiquei só admirando e beijando a boca deliciosa dela e a safada dizendo que eu era corno e o negão tava comendo ela do jeito que ela adora, o f metida fundo e de forma selvagem dava tapas na cara dela e depois beijava a boca dela bem gostoso, algumas vezes colocava meu pau para ela chupar mas nem sempre ela lembrava da minha existência e por isso eu ficava mais a ver navios. o f colocou ela de 4 e metia com gosto, puxava o cabelo dela e dava tapas na bunda grande e branquinha dela que ficava as marcas dos dedos, era cada tapa estalado e metidas tão fortes que a cama começou a ranger e fiquei com medo de se quebrar, a e gemia muito, chamava ele de meu negão gostoso e pauzudo, falava para mim que eu não tinha pau suficiente pra ela e mandava eu falar pra ele que eu era frouxo e não dava conta dela, o f vibrava cada vez que eu falava isso e mais tapas dava na bunda dela e mais puxava o cabelo da minha princesa. nisso eu estava não maior punheta vendo a cena e me deliciando vendo a gostosa da minha namorada ser muito bem comida pelo negão, o f comeu ela de tudo quanto foi jeito, de 4, de frango assado, de ladinho, papai mamãe, perdi a conta de quantas vezes ele fez ela gozar antes mesmo dele gozar, sempre que ela gozava ele me chamava pra olhar a buceta dela toda melada e escorrendo, eu o corno sempre tirando fotos e admirando o trabalho bem feito do negão, quando ele fazia isso ela começava a falar pra ele continuar que ela queria mais pau. o f continuou a comer ela, não dando descanso, chegou uma hora que ela até pediu pra ele deixar ela descansar, ele falou que não e eu pedi a ele para não parar também, pois estava fascinado com a situação que estávamos vivendo, quando ela já estava com as pernas tremendo o f tirou e falou que ia comer o cuzinho dela, no começo ela começou a fazer charme dizendo que não, mas ele chegou e começou a chupar ela toda abertinha e foi enfiando os dedos no cuzinho dela que nem para mim ela tinha dado, e quando olhei pois estava ajudando a segurar as pernas dela ele já metia 3 dedos no cuzinho dela, fui a loucura, ela falava que era para parar mas puro charme e eu lá ajudando e segurando ela pro negão comer. ele começou a meter e ela já me empurrou pro lado e falou que eu era um frouxo que estava ajudando o negão a comer o cu dela e não fazia nada e não era homem suficiente para impedir ou comer ela daquele jeito.
o negão ficou uns 10 minutos para conseguir colocar, mas enfiou até o talo no rabo da minha namorada até antes virgem do cuzinho ao menos era o que ela afirmava para mim sempre. o f tirava o pau inteiro e ia colocando ate o saco bater no bumbum dela, e quando ela acostumou ele começou a meter forte, ela ficou louca e pedia com mais força que era de negro e de pau grande que ela gostava, ele pegou ela de 4 e começou a comer o rabo dela, ela pedia para parar para descansar e quando ele olhava para mim eu só dava um toque pra ele dar mais tapas e puxar mais o cabelo dela porque sei que ela gostava e tava com charme. o f simplesmente espancava a e com o pau e dava tapas, puxava cabelo e dava tapas na cara e ela dizendo que tava adorando e so gemendo no pau dele, sei que ficamos umas 4 horas com ele metendo nela, tentei meter também mas o tesão era tanto que começava a comer e já gozava que nem via, gozei 4 vezes só nestas tentativas, o pau do f parecia que não amolecia nunca e nunca ia gozar, porque chegou uma hora que ele tirou do cuzinho dela, tirou a camisinha e colocou ela pra chupar e foi a única hora que fiquei receoso pela minha princesa, porque ele fazia ela engolir todo o pau e dava muitos tapas na cara dela e nessa foi a única hora que ela permitiu eu comer o cuzinho dela, o que também não dei conta de fazer bem feito pois mal comecei a comer e já gozei, saia lagrimas e ela engasgava e chegou uma hora que ela começou a passar mal de tanto que estava engasgando com o pau dele no fundo da garganta e quando ela foi para o banheiro vi que escorreu a minha porra do cuzinho dela misturado com sangue mas ela falou que estava gostoso então deixei ela se divertir. ele tentou comer o cuzinho dela novamente mas ela não conseguiu mais, ele voltou para a bucetinha dela e ficou comendo e a cena é até complicada de descrever, porque era lindo vê-la tão entregue a um macho como nunca foi entregue a mim, só que como estávamos em hotel e visitas são monitoradas fiquei apressando o f porque não queria problemas com o hotel, ai finalmente o f gozou na cara e na boca dela e a safada engoliu tudinho e ainda ficou com raiva porque fiquei quietinho e não quis ir beijá-la. o f tomou um banho fazendo limpeza de chuveirinho nela e dando uns amassos no banheiro enquanto o corno aqui ficou na cama vendo tv e doido para estar lá participando só que ela não deixou. o f foi embora deixando para mim uma namorada acabada, cansada e toda arrombada pra tomar conta, ficamos relembrando os ótimos momentos e eu ainda com tesão comecei a comer ela novamente, só que mais uma vez fui uma decepção pra ela porque gozei rápido devido ao tesão que era muito. e ainda anoite recebemos a ligação de outro negro que estávamos querendo marcar perguntando se poderia ir nos ver no domingo pela manhã, mas como iríamos para a praia tivemos que dispensa-lo apesar de que eu sabia que a vontade dela era realmente ficar o domingo inteiro dando para o outro negro safado.
se gostaram do conto erótico ,leiam, somos pessoas reais e estamos interessados em conhecer homens unicamente negros e muito bem dotados (algo acima de 21 cms) e de são paulo para novas aventuras, se candidate quem sabe você não é o próximo sortudo, desta vez ela quer me ver chupando junto com ela, mas isso não é regra caso algum interessado em nos conhecer não curta.
email : casalkernegao@hotmail.com



publicado por relatossecretos às 14:28
link do post | comentar | favorito

3 comentários:
De negro fogoso a 18 de Novembro de 2012 às 03:13
tenho esses requisitos só q sou d bh,cleitinhobolado1@hotmail.com


De nego felix a 21 de Maio de 2013 às 02:55
Essa tua mulher precisa experimenta é um pau gaucho.gozo na boca dela e na tua cara tbm seu corno.85443825


De Alberto a 11 de Agosto de 2015 às 19:35
Sou negrão 50tao solteiro moro sozinho no centro de sp. Meu wsap 1197431 - 4669 beto


Comentar post

.mais sobre mim
.Abril 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
16
17

18
19
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Eu, Marcelo e meu corninh...

. Inquilina pagando aluguel...

. Minha mulher para o vizin...

. Estuprada pelo padastro

. Realidade virtual

. Sexo no estudio de tatuag...

. Eu e minha mulher satisfe...

. Transei com um casal...re...

. Violado por 2

. Meus alunos são um tesão-...

.arquivos

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

.tags

. todas as tags

.links
.pesquisar
 
blogs SAPO
.subscrever feeds